Quer iniciar a sua viagem no mundo das plantas e não sabe por onde começar? Quer seja totalmente novo no mundo das plantas ou sinta que é um Plantkiller crónico, este artigo é ideal para sil! A viagem pelo mundo das plantas pode ser intimidante ao princípio e pode ser difícil escolher qual a primeira planta a incluir no seu espaço. Neste artigo sugerimos-lhe 9 plantas que toleram donos mais esquecidos ou inexperientes.

 

Monstera: Sem dúvida um dos nossos bestsellers! Adorada pelo seu look tropical, a Monstera é bastante fácil de cuidar. Tolera pouca luz, mas é muito mais feliz com luz abundante indirecta. Gosta de níveis altos de humidade e temperaturas amenas.

Scindapsus: Outra opção bastante popular, o Scindapsus é ideal para donos inexperientes. Tolera ambientes com pouca luz e períodos de seca ou rega em excesso. O seu ambiente ideal tem bastante luz indirecta e uma temperatura entre os 10-25ºC. Uma vez que esta planta é uma fantástica purificadora do ar, é ideal para quartos e escritórios.

Sansevieria: Comumente conhecida como Língua da Sogra ou Espada de S. Jorge, este é um clássico que nunca passa de moda. É praticamente indestrutível e aguenta bastante bem períodos de seca. Por isso é ideal para donos esquecidos.

Spathiphyllum: Se é daqueles donos que peca por excesso de rega, o Spathiphyllum é ideal para si! Bastante tolerante a rega em excesso, o Lírio da Paz gosta de luz abundante indirecta, temperaturas amenas e muita humidade.

Dracaena: Bastante resistente à seca, a Dracaena gosta de luz abundante, mas tolera regimes de luz parcial ou sombra. Ocupam pouco espaço pelo que são ideais para cantos mais “esquecidos”.

Hoya: Também conhecida como Planta-de-cera, a Hoya carnosa é da família das suculentas. Assim, não tolera rega em excesso. Exponha-a a luz indirecta abundante e veja a sua floração brotar.

Zamioculca: A Zamioculca é uma das plantas mais em voga do momento. Adaptável a qualquer tipo de luz, a ZZ tolera donos esquecidos e não deve ser regada em excesso para que as suas raízes não apodreçam.

Chlorophytum: Com a capacidade de filtrar toxinas à sua volta, o Chlorophytum é uma boa opção para ter no seu quarto. Gosta de luz abundante indirecta e que o seu substrato se mantenha húmido. É uma excelente planta para quem se quer aventurar no mundo da propagação.

Aglaonema: Para os que procuram uma opção resistente mas colorida, a Aglaonema é uma óptima opção! Deixe-se deslumbrar pelos seus tons de verde, rosa ou vermelho. Mantenha o seu substrato húmido, evitando água em excesso para que a planta não apodreça. Por purificar as toxinas do ar em seu redor, a Aglaonema é uma boa opção para ter no seu quarto ou escritório.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *